A principal estratégia de Marketing em 2020

A principal estratégia de Marketing em 2020

Uma nova década chegou repleta de oportunidades para você fazer a diferença no seu negócio. Desafie-se e leve sua marca para outro patamar!

Mas você sabe qual é a cereja do bolo de qualquer estratégia?

É a humanização!

Essa é a principal tendência de marketing dos próximos anos e uma necessidade para o mundo dos negócios. Afinal, as pessoas são um ativo estratégico que requerem atenção e cuidado.

Se você direciona esforços apenas na venda e em resultados de uma forma fria, pode estar comprometendo esse ativo valioso.

Estreitar o relacionamento com a sua persona é o elemento mais importante para você vender mais, e isso acontece a partir do momento que existe uma relação de confiança.

O branding é um modelo de gestão de marcas que mostra caminhos consistentes e viáveis para seu negócio qualificar o vínculo com as pessoas.

 

LEIA TAMBÉM:

Branding: Afinal, por que isso é tão importante?

 

Construa relacionamentos duradouros

Ok. Mas como?

Conversando e transitando nos espaços onde as pessoas estão, e as plataformas digitais podem ajudar sua marca nessa tarefa.  Dados do Social Media Trends de 2019, mostram que 96,2% das empresas já utilizam esses canais.

Crie conteúdo realmente diferenciado e com qualidade para tentar levar soluções. Essa é uma forma que você pode mostrar seu valor.

Mas antes, lembre-se de um aspecto importantíssimo:  não seja e não aja como um robô.

Nos últimos tempos, falamos muito em Inteligência artificial e no papel dos robôs, mas é a interação humana que provoca empatia nos usuários e que faz a diferença nos resultados.

Linguagem leve e casual

Mesmo em canais mais formais como email e o LinkedIn, priorize uma relação mais pessoal.

O email é um instrumento fundamental de relacionamento, portanto, quanto mais pessoal for, mais universal vai ser, e mais humana será a sua voz.

Quando for escrever, lembre-se: mesmo que sua marca tenha uma base grande de contatos, todas as mensagens serão recebidas individualmente.

Mesmo o LinkedIn, uma rede voltada para negócios e networking, procure humanizar seus posts. Compartilhe conhecimento, experiências, opine em temas relacionados a sua atuação e converse com suas conexões. Mostre que você domina assuntos de interesse da sua marca e torne-se relevante entre seus contatos.

Relacione-se com as pessoas

Nas redes mais populares, como Facebook e Instagram não basta apenas estar presente é necessário ter uma estratégia bem planejada para cativar as pessoas.

Por isso, ofereça conteúdos atrativos, que encantem e cativem seus seguidores por meio de ferramentas estratégicas, como os Stories, por exemplo.

O Facebook já aponta que a audiência no modelo de Stories deve superar os feeds das redes sociais e será a principal forma de compartilhamento de conteúdo.

Então aposte em vídeos e fotos temporárias. Esses formatos serão cada vez mais os queridinhos dos usuários.

Sua marca precisa ter uma voz

Converse de uma forma casual para se relacionar com os usuários das redes e transmita valores da sua marca. Esse é um dos meios mais certeiros e natural para gerar engajamento e se destacar dos concorrentes.

Já percebeu como o Netflix se relaciona com os usuários?

Bom humor e alto astral estão sempre presentes nas interações.

Que tal começar usar um tom mais good vibes?

Seja leve e converse de forma descontraída. Mas sempre, é claro, com responsabilidade.

Com essa postura, tenha certeza que você vai conquistar o coração dos seus seguidores, vai se aproximar deles e criar uma relação de confiança e afeto.

Seja uma marca empática

Se você reconhece a necessidade e importância de humanizar sua marca seja empático. Aproxime-se dos sentimentos, desejos e expectativas das pessoas.

Apoie causas sociais, crie ações para facilitar o acesso de pessoas com deficiências aos seus serviços e conte histórias de pessoas reais. Essas atitudes aproximam marcas de pessoas e tornam as empresas mais humanas.

Vamos experimentar essa tendência e fazer a diferença nessa nova década?